DIRECT REVIEW

Uncharted: The Lost LegacyLANÇAMENTO: 01.09.2017
9.1

NOTA GERAL

GRÁFICOS

JOGABILIDADE

DIVERSÃO

SOM

TOP GAMES

7.5
9.4
7.5
7.2


Dark Souls 3

A From Software conseguiu fazer um Dark Souls completamente novo e fiel às suas origens, sem perder o foco como alguns títulos. Ainda sim a experiência apresenta mudanças interessantes e bem vindas, colocando elementos novos juntos aos clássicos, fazendo com que o jogador vibre depois de matar aquele chefe extremamente difícil.

Não espere encontrar um jogo padronizado, onde nível faz toda a diferença e equipamentos novos substituem os antigos simplesmente por ter status melhores ou serem encontrando mais a frente na campanha. A franquia é famosa por apostar nas habilidades dos jogadores mais que qualquer item. Equipe sua katana, espada, sino, cajado, lança, adagas, escudo e tenha em mente que você é sua melhor arma. As mortes e derrotas em Dark Souls tem como objetivo não punir, mas sim tentar retirar de cada um o seu melhor, e mostrar que não existe obstaculo nem inimigo que perdure diante de um verdadeiro campeão ou campeã obstinados.

A jornada começa nas terras de Lothric, coberta por mortos vivos e criaturas tocadas pelas trevas, distorcidos, porém imponentes e extremamente mortais. Nada melhor que a abertura para contar um pouco do começo desse empolgante enredo, com legendas em português.

Os gráficos de Dark Soul 3 estão muito semelhantes aos do exclusivo para PlayStation 4, Bloodborne, porém essa semelha se da por conta do desenvolvedor  e engine serem as mesmas. Apesar de ambos terem influência europeia, os enredos são focados em histórias completamente diferentes. Em Bloodborne o jogador controla um caçador dentro um aparente sonho/pesadelo, com a finalidade de encontrar a cura para uma doença. Já em Dark Souls 3, temos uma idéia do período medieval com castelos, palácios, vilas e lugares remotos, além é claro, de referências à nobreza em todo momento, sendo responsáveis pela situação atual do reino.

Dark Soul 3 01

Temos belíssimos cenários, cada um com suas características, assim com inimigos e chefes bem personalizados e localizados. Os efeitos de luz e sombra mexem com a imaginação e criam com muito sucesso, ambientes sombrios com toneladas de detalhes e segredos bem guardados. Não é muito difícil ficar impressionado com o brilho da Lua e seus elementos, principalmente em locais de cor clara, onde parecem ser feitos de pura prata devido a refração da luz lunar.

Existe todo o tipo de lugar, desde cavernas vulcânicas a floresta pantanosas cobertas de veneno em suas margens. Além de seres colossais e outros esperando a hora certa para atacar, as vezes completamente camuflados ou parados em posição de repouso.

Temos também uma boa variedade de armaduras e armas, que nessa sequência não é mais possível melhorar o nível das armaduras, apenas as armas continuam a evoluírem. O design dos equipamentos no geral está muito bem elaborado.Vamos encontrar velhos amigos e inimigos, todos resenhados para a nova geração, então espere encontrar belos chefes e besta ferozes e imponentes.

Dark Soul 3 arte

Obrigatoriamente em um RPG medieval fantasioso, não podem faltar os equipamentos e magias que estão simplesmente deslumbrantes nessa terceira versão. Temos várias magias diferentes e algumas completamente reformuladas, para deixar até o mais frágeis magos um oponente perigoso e cheio de surpresas. Sendo o único ponto negativo para executar as ações mágicas, gastar a barra de stamina assim como a de magia.

Se você não conhece a franquia, aqui vai uma dica, encontrou um baú em uma sala aparentemente vazia, cuidado, pode ser um inimigos disfarçado pronto para levar todas as almas com abraços mortais. Lembrando também que existem muitas paredes ilusórias escondendo tesouros, portanto explorar cada detalhe é importante.

Dark Soul 3

A jogabilidade trouxe algumas mudanças bastante bem vindas e umas nem tanto. Foi adicionada a terceira barra referente a magia, que se desenvolve gastando ponto no atributo Conhecimento, responsável também pelo número de espaços para feitiços. Agora todos os efeitos mágicos gastam essa barra, não existindo mais uma quantidade pré-definida, como nos antecessores. Os combates em sua essência se mantiveram com antes, com algumas modificações bem sutis. O único problema é câmera que se aproxima demais quando os personagens estão próximos de paredes ou chefes gigantesco, deixando qualquer jogador desesperado procurando seu personagem no meio da confusão.

Além disso, as velhas estocadas, frenesis, pulos mortais, giros e claro, projeteis fazendo curvas no momentos exato da esquiva, estão todos presentes. Uma novidade no PvP são as defesas contra ataques viscerais, mesmo de costas, o personagem é capaz de defender ou aparar, bastando usar seu escudo e caso tenha agilidade necessária, pode rolar para bem longe ou contra-atacar.

Temos mudanças bem interessantes no modo cooperativo, onde ficou mais fácil convocar amigos. Basta escolher a região, definir uma senha e usar o item corretamente, aqueles com a mesma senha se encontrarão. Vale lembrar que o personagem precisa estar incandescente e o chefe da fase de ambos precisa estar vivo. A restrição de nível também foi retirada, ou seja, você pode conjurar aquele seu amigo “overpower” para lhe ajudar.Dark Souls 3 coop

Vamos falar um pouco dos famosos Pactos, que ganharam um espaço especial só para eles no inventário, não ocupando os reservados aos anéis. Invadir nunca foi tão divertido, além de receber recompensas específicas para cada pactos, as cores dos fantasmas vermelhos, também foram alteradas de modo a deixar bem claro a qual pacto o jogador pertence. A imagem baixo mostra como o visual está na prática.Dark Souls 3 PVP

Um das poucas coisas em Dark Soul 3 que não sofreu mudanças consideráveis foram seus efeitos sonoros, praticamente estão iguais sem nenhuma mudança significativa.

Não que isso seja um ponto negativo, afinal os efeitos de atravessar as paredes de nevoas sempre causam ansiedade e um pouco de nervosismo. Ressaltando que por se tratar de um título extremamente popular e querido pelos fãs, essa parte poderia ter sido melhor explorada, mas de maneira nenhuma diminuiu a qualidade da experiência.

De maneira geral, Dark Soul 3 é um RPG Hardcore, idealizado para testar os jogadores e recompensa-lo adequadamente. Em todo momento, o jogo prende a atenção e seu ritmo não desacelera no decorrer da campanha, criando assim uma excelente experiência e não nos deixando entediar. Não perca tempo e embarque nessa aventura sombria, cheia de mistérios e com criaturas fantásticas.

Se você está em dúvida sobre qual versão comprar, o vídeo a seguir mostra um comparativos entre todas as plataformas para as quais o jogo foi lançado. Portanto, tire suas próprias conclusões e se prepare para morrer muito.

9

NOTA GERAL

GRÁFICOS

JOGABILIDADE

DIVERSÃO

SOM

MATÉRIAS RELACIONADAS

COMPARTILHAR:

COMENTÁRIOS:

Uma resposta para “Dark Souls 3”

  1. daniel disse:

    gostei da review

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Receba as novidades do direct geek por e-mail: